terça-feira, 7 de novembro de 2017

Após Lula ser preso, Família nordestina se suicida com medo de perder o Bolsa Família


Condenado a 12 anos e 1 mês de prisão em regime fechado devido o caso do Triplex do Guarujá, a prisão de Lula acabou tendo mais um desfecho infeliz nessa última quarta-feira (11).

Uma família nordestina inteira cometeu suicídio, em uma carta o Pai disse que não continuaria vivendo em um país sem Lula, e que, com Lula preso ele perderia o Bolsa Família e voltaria a miséria passando fome, por esse motivo ele iria acabar com tudo e levar sua família junto.

Um trecho da carta diz:
"Com meu presidente preso, "esse doidio réi" do Bolsonaro vai acabar com tudo que ele construiu durante todos esses anos, e com certeza a miséria vai tomar conta do nordeste novamente". Escreveu seu Francisco Da silva, conhecido em toda a cidade como "Seu Chico".

O caso chocou a pequena Belágua, interior do Maranhão, sinônimo de paz e tranqüilidade.

Tido como um dos presidentes mais influentes dos últimos anos, Lula criou projetos que são discutidos e aclamados por outras pessoas. Fato disso, são que os manifestantes alegam que o ex-presidente ajudou o povo mais ‘pobre’ e ‘necessitado’ do país.


Como Bolsonaro quer mudar o Bolsa Família

Estipular prazo para a saída dos beneficiários do programa.

Pré-candidato à Presidência da República pelo PSL, o deputado federal Jair Bolsonaro (RJ) tem dito que, se eleito for, fará mudanças no principal programa social do governo: o Bolsa Família. A principal delas é estipular um prazo para que os beneficiários deixem de receber os recursos. Isso para que não fiquem dependentes do programa.