Jair Bolsonaro leva facada durante ato de campanha em Juiz de Fora, Lista de Atentados contra políticos Brasileiros

Ulysses Silveira Guimarães- 12 de outubro de 1992
Na tarde de 12 de outubro de 1992, o país foi sacudido com uma notícia trágica. O deputado federal Ulysses Silveira Guimarães (PMDB-SP), uma das figuras mais importantes da história brasileira, estava desaparecido. 

O Congresso Nacional parou para acompanhar as buscas. Os corpos de quatro vítimas foram resgatados, mas a procura pelo deputado foi infrutífera. O mistério sobre a localização do corpo de Ulysses permanece até hoje.

Paulo César Farias- 23 de junho de 1996

PC Farias, como era conhecido o empresário alagoano, foi o tesoureiro do ex-presidente e atual senador Fernando Collor de Mello. Ele era considerado o maior conhecedor dos esquemas de corrupção que levaram ao impeachment de Collor.

PC e sua namorada foram mortos na casa do empresário na praia de Guaxuma, litoral de Maceió. Antes mesmo de os corpos serem removidos, os irmãos de Farias, também envolvidos com o governo Collor, e a polícia alagoana passaram a tratar o caso como crime passional. Suzana teria matado PC e se matado em seguida. Uma versão endossada por delegados da Polícia Federal e pela mídia em geral, mas que não tinha nenhuma sustentação em provas técnicas ou testemunhais.

Celso Daniel- 18 de janeiro de 2002
O prefeito de Santo André (SP), Celso Daniel, do PT, é sequestrado na zona sul de São Paulo. 
Seu corpo apareceria dois dias depois, com marcas de tortura e tiros, em uma estrada próxima à rodovia Régis Bittencourt. As investigações oficiais não foram conclusivas.

Até hoje não foi esclarecido o assassinato do ex-prefeito de de Santo André Celso Daniel que iria denunciar os crimes do PT. Na época, não teve comoção como o caso da vereadora do PSOL Marielle Franco.

Eduardo Campos - 13 DE AGOSTO DE 2014 
"Avião caiu durante as eleições gerais, matando o então candidato"

O Speed Sensor da aeronave à toda evidência foi desligado, intencional, o que caracteriza que o avião foi preparado para cair, o que caracteriza sabotagem e homicídio.

Há fortes indícios de duas explosões: uma na cabine ou nas turbinas, o que fez o avião despencar; a outra, onde estavam os passageiros (motivo de os corpos terem sido totalmente esmigalhados). É tão evidente que houve esta explosão que não se achou, sequer, um pedaço de crânio, para se comparar fichas odontológicas a qualquer arcada dentária. Somente com o exame de DNA foi possível identificar o que sobrou de cada corpo.

MINISTRO TEORI ZAVASCKI - 19 DE JANEIRO DE 2017

Teori era relator da operação Lava Jato no STF e, portanto, responsável por analisar os casos envolvendo parlamentares e políticos com prerrogativa de foro acusados de envolvimento no bilionário esquema de corrupção na Petrobras. A morte de Teori Zavascki foi queima de arquivo. Igual o que aconteceu na Itália na OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS: ASSASSINATO DE JUÍZES!
O dono do Hotel Emiliano sabia demais... Teori Zavascki sabia demais... O piloto do avião sabia demais..

O avião no qual Teori foi acidentado era um Hawker Beechcraft King Air C90 prefixo PR-SOM, Trata-se de um excelente avião. É o único bimotor pequeno que o serviço secreto norte-americano autoriza o presidente dos Estados Unidos a usar.
Jair Bolsonaro- 06 de setembro de 2018
O candidato presidencial foi atingido enquanto era carregado por apoiadores em meio a uma multidão na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

A perfuração atingiu parte do fígado, do pulmão e da alça do intestino. Perdeu muito sangue, chegou no hospital com pressão de 10/3, quase morto.